Número total de visualizações de página

segunda-feira, 2 de março de 2015



 A todos os interessados:


III Edição do Concurso Literário “A Ética na Vida e no Desporto” III Edição do Concurso Literário “A Ética na Vida e no Desporto”
Concorre até 30 de abril de 2015.
Concursos e Passatempos Data: 01-12-2014 a 30-04-2015 Agenda: Nacional Local: Todo o país Promotor: IPDJ, I.P. Contactos: Linha da Juventude 707 20 30 30
Descrição O Instituto Português do Desporto e Juventude I.P. promove  a III Edição do Concurso Literário “A Ética na Vida e no Desporto”, através do Plano Nacional de Ética no Desporto.
O prazo de apresentação dos trabalhos decorre de 1 de março a 30 de abril de 2015.
Esta iniciativa conta com os apoios: do Jornal Desportivo A Bola, da Direção-Geral da Educação/Desporto Escolar e do Comité Olímpico de Portugal.
O Concurso tem por objetivo estimular a produção de trabalhos escritos relacionados com a Ética na Vida e no Desporto.
 Galardoa os autores que apresentarem trabalhos com melhor qualidade.

|Destinatários|
Estudantes do ensino secundário dos seguintes cursos:
- Científico-Humanísticos
- Ciências e Tecnologias,
- Ciências Socioeconómicas,
- Línguas e Humanidades e
- Artes Visuais.
Também dos Cursos Profissionais ministrados em estabelecimentos de ensino público, particular e cooperativo de Portugal Continental e Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores.


| Acesso a Regulamento e ficha de candidatura |
Acede aqui ao regulamento do concurso
Acede aqui à ficha de candidatura

domingo, 1 de fevereiro de 2015

De Hozier - interessante visão

Angel Of Small Death & The Codeine Scene
I watch the work of
my kin bold and boyful
Toying somewhere
Between love and abuse
Calling to join them
the wretched and joyful
Shaking the wings
of their terrible youths
Freshly dissolved in some
frozen devotion
No more alone
Or myself could I be
Looks like a strain
to the arms it were open
No shortage of sordid
No protest from me

With her sweetened breath
And her tongue so mean
She's the angel of small death
and the codeine scene
With her straw-blonde hair
her arms hard and lean
She's the angel of small death
And the codeine scene
Feeling more human
And hooked on her flesh I
Lay my heart down
with the rest at her feet
Fresh from the fields
all feeder and fur tires
Bloody and raw
but I swear it is sweet

With her sweetened breath
And her tongue so mean
She's the angel of small death
And the codeine scene
With her straw-blonde hair
her arms hard and lean
She's the angel of small death
and the codeine scene
Feeling more human
And hooked on her flesh I
Lay my heart down with
The rest at her feet
Fresh from the fields
all feeder and fur tires
Bloody and raw
But I swear it is sweet

And lease this confusion
I'll wander the concrete
Wonder if better
now having survived
Jarring of judgement
And reasons defeat
The sweet heat of her breath
In my mouth I'm alive

With her sweetened breath
and her tongue so mean
She's the angel of small death
and the codeine scene
With her straw-blonde hair
her arms hard and lean
She's the angel of small death
and the codeine scene

With her sweetened breath
And her tongue so mean
She's the angel of small death
and the codeine scene
With her straw-blonde hair
her arms hard and lean
She's the angel of small death
and the codeine scene


Link: http://www.vagalume.com.br/hozier/angel-of-small-death-the-codeine-scene.html#ixzz3QWHKC49X

http://www.vagalume.com.br/hozier/angel-of-small-death-the-codeine-scene.html#traducao

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Vou voltar...aos poucos!

Estive ausente da escrita, não estive ausente do Desporto e do Direito. 
Conto em breve voltar ao convívio com os leitores. 
Não sei quem são, não sei se gostam do que escrevo. 
Voltarei....até já!
 

quinta-feira, 12 de julho de 2012

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Rui Costa e um maravilhoso domingo para o desporto praticado por portugueses

Rui Costa, consagrou-se no passado domingo vencedor da Volta à Suiça em Bicicleta.
Considerada por muitos como a 4ª melhor prova a nível mundial do ciclismo de elites, foi Rui Costa, jovem de 25 anos,  o seu vencedor, que com uma inabalável vontade de vencer e ajudado pelo espanhol Valverde, seu colega de equipa, conseguiu um enorme feito.
Venceu a adversários de respeito e neste momento está classificado em 13º lugar no ranking dos melhores ciclistas mundiais.
Antes dos nossos governantes mandarem emigrar os jovens, muitos ciclistas portugueses já o haviam feito.
Tal emigração, resulta da morte lenta a que se assiste no ciclismo nacional, que não valoriza os seus praticantes, que não soube contornar as dificuldades financeiras das organizações de corridas, que não soube dialogar com os intervenientes e que continua em termos de formação de base àquem do apoio necessário.
Neste domingo, o ciclismo esteve em evidência com Rui Costa vencedor da Volta à Suiça, mas também com  o 4º lugar do Bruno Manuel Pires na Eslovénia,  a camisola da montanha do Nelson Oliveira na Holanda e no BTT com  o 6º lugar do Luis Leão Pinto no Campeonato da Europa.
Será mérito de um país? È sobretudo o mérito individual de tais desportistas.
Esteve pois de parabéns a prática do desporto feita por portugueses.
Curiosamente o Presidente da Federação a que pertencem tais praticantes não se pronunciou sobre estas excelentes prestações, ao contrário de outras situações em que é o primeiro a falar.
Num país em que o desporto parece reduzir-se ao futebol, a imprensa mais uma vez não deu o devido destaque a tais feitos...o que mudaria de figura se a notícia fosse dopagem, ou outra face negra do desporto.
Mas o que importa é dar os parabéns a estes desportistas e dizer: Obrigada!